Procurador-geral da Prefeitura é a 213ª vítima da Covid em Itaúna

Por Publicado em:03/06/2021 | Atualizado em:03/06/2021 136

Prefeitura publica Nota de Pesar informando a morte de Helimar Parreiras da Silva. Aos 56 anos, ele não resistiu à doença  e teve a morte confirmada nesta quinta-feira, 3 de Junho. Câmara decreta luto oficial de 3 dias.

A Prefeitura publicou Nota de Pesar no início desta tarde, informando a morte do procurador-geral  do Município, Helimar Parreiras. Ele constatou estar contaminado pelo novo Coronavírus no último dia 18.

Foi internado em Itaúna após agravamento de seu quadro de saúde e depois transferido para o Hospital de Oliveira, onde teve morte cerebral noticiada na tarde de quarta-feira, 2, vindo a ser confirmado seu óbito nesta quarta-feira, 3.

Ex-procurador da Câmara Municipal e atual procurador-geral do Município, Helimar era muito ligado ao prefeito Neider Moreira, que informou que será decretado luto por três dias no Município pela morte do assessor.

Helimar será velado nas dependências da Câmara Municipal, resguardando todos os protocolos da pandemia, a partir das 8h30, e o enterro está marcado para as 11 horas, no Cemitério Central. A Prefeitura publicou a seguinte Nota de Pesar:

“É com imenso pesar que a Prefeitura de Itaúna informa o falecimento do Procurador-Geral do Município, Helimar Parreiras da Silva.

Leal, companheiro e amigo.  Helimar deixa um legado de quem sempre prezou pela justiça e legalidade. Servidor público de currículo longo e exemplar, ele se soma às mais de 467 mil histórias que foram interrompidas pelo novo Coronavírus.

Para nós fica a marca desse sorriso, já sentindo saudades de sua alegria e de seu otimismo frente às dificuldades do dia-a-dia.

Nossa solidariedade à esposa Soraia, aos filhos Arthur e Heitor, e aos demais familiares e amigos.

O prefeito Neider Moreira decretará luto oficial de três dias no município.”

 

Câmara decreta luto oficial

O site da Câmara publicou decretação de luto oficial de três dias pela morte de helimar Parreiras:

"Com sentimento de pesar o Presidente da Câmara Municipal de Itaúna, vereador Alexandre Campos informa a morte  provocada por Covid-19 do advogado Helimar Parreiras da Silva.

Ex-Procurador do Legislativo e atual Procurador-Geral do Executivo, Helimar era filho de Orcino Parreiras da Silva e Maria da Cruz Silva, tinha 56 anos e era casado com Soraia Bernardes, com quem teve dois filhos: Arthur e  Heitor.

O presidente da Câmara Municipal de Itaúna, vereador Alexandre Campos, decreta luto oficial de três dias no âmbito do Poder Legislativo e externa suas condolências à todos os familiares."

 

 

Última modificação em Quinta, 03 Junho 2021 16:05

Compartilhe esta notícia