NO LIMITE - Prefeito não aguenta mais a relação com o Da Lua

Por Publicado em:15/06/2022 | Atualizado em:29/11/-0001 119

No início da semana a reportagem ouviu o que seria um desabafo de um membro da administração sobre o relacionamento do prefeito com o vereador Da Lua e “o preço a ser pago” para manter o vereador aliado a base neidista. Segundo essa pessoa, este relacionamento está praticamente impossível de ser continuado e arriscou que o prefeito estaria em vias de “chutar o balde” e afastar de vez o vereador de seu grupo, dado aos muitos problemas que esta aproximação tem acarretado. E arrisca um planejamento político que estaria sendo encaminhado para efetivar de vez este afastamento do Da Lua e a manutenção de maioria na Câmara, para que os projetos do prefeito não encontrem muita resistência.

Conforme essa fonte, a saída seria uma troca no primeiro escalão da Prefeitura. Rosse Andrade, que é o secretário de Infraestrutura, iria para o SAAE. Para a Infraestrutura seria nomeado o vereador Joselito e, assim, seu suplente, o Tchola Apaixonado, que teve 542 votos pelo PDT e é o primeiro suplente da sigla, assumiria a vaga, ficando ligado ao grupo do prefeito e garantindo a maioria que o prefeito necessita para aprovar seus projetos.

Porém o fato é que o “Canteiro de Obras”, como é conhecida a Secretaria de Infraestrutura, não é lugar para inexperientes, na opinião da maioria. “Fazer aquele pessoal trabalhar normalmente precisa de um malabarismo político que só alguns conseguem”, disse a mesma fonte, para apontar um empecilho no planejamento que ainda não teria permitido a mudança. Mas o fato é que a relação do prefeito com o vereador Da Lua está por um fio, “se já não estiver arrebentada”. E remendar este fio é praticamente impossível, na opinião da maioria.
Os comentários nos bastidores são de que o vereador não se cansa de fazer pedidos, “24 horas por dia, e acha que toda a estrutura da Prefeitura estaria à sua disposição”, comentou um ocupante de cargo de chefia na Prefeitura. E completou: “Nem se o prefeito colocasse todo mundo à disposição do Da Lua, ele ficaria satisfeito e ainda ia reclamar. Ele acha que é o prefeito”, arrematou o crítico. Os problemas do vereador com o chefe de Gabinete, Dr. Fares Neto, na semana passada, tiveram gritos e papeis rasgados e jogados, num verdadeiro “show” desnecessário, afirmou à reportagem um dos presentes na ocasião.

Compartilhe esta notícia