Igreja de Pará de Minas é notificada sobre “venda de feijão que cura”

Por Publicado em:13/05/2020 | Atualizado em:29/11/-0001 149

Tem repercutido negativamente em todo o país uma ação da igreja evangélica Igreja Mundial do Poder de Deus, comandada pelo religioso Apóstolo Valdemiro Santiago, que estaria divulgando ação aos fiéis em que fala de um grão de feijão com a promessa de cura de doenças, inclusive a Covid-19, causada pelo novo coronavírus. Segundo a igreja, trata-se de uma campanha de oração em que “a semente é uma figura de linguagem, amplamente mencionada nos textos bíblicos, para materializar o propósito com Deus”.
Nos vídeos amplamente divulgados pelas redes sociais o religioso aponta as “propriedades” do grão que, plantado, já nasceria com a inscrição “sê tu uma benção” e sugere, em seguida, a “doação” de valores por parte dos fiéis, que variam de “R$ 500, R$ 1 mil...”. Como na vizinha cidade de Pará de Minas existe um templo da referida igreja, o Procon daquela cidade notificou a direção local para tratar do assunto.

Conforme divulgado pelo site JC Notícias/Rádio Espacial FM, daquela cidade, “o Procon de Pará de Minas, no uso de suas atribuições legais, baseado no Código de Defesa do Consumidor e em decretos Federal e Municipal, está apurando se a publicidade patrocinada por uma instituição religiosa de Pará de Minas apresenta vício de informação, assumindo ares de enganosa e abusiva”.

A notificação foi divulgada na manhã desta terça-feira. Conforme a notícia da referida emissora, “o Código de Defesa do Consumidor, considera como prática abusiva e por isso, o Procon está notificando a igreja evangélica em Pará de Minas para que apresente, no prazo máximo de 10 dias, contados a partir do recebimento do documento, os esclarecimentos que entender necessários, notadamente a comprovação científica, por meio idôneo, de que a semente cura ou previne com eficácia comprovada a doença O não cumprimento da notificação poderá acarretar a aplicação das sanções administrativas previstas no artigo 56 do Código de Defesa do Consumidor”.

Conforme nota da igreja, “nos vídeos não há menção de nenhuma venda, o que rechaçamos veemente, haja vista que trata-se de uma sugestão de oferta espontânea, não tendo nenhuma correlação com venda de quaisquer espécies.
Fonte: site JC Notícias/Rádio Espacial FM

Compartilhe esta notícia


Warning: preg_match(): Unknown modifier '/' in /home/storage/d/52/6b/folhapovoitauna1/public_html/plugins/system/cache/cache.php on line 217