ArcelorMittal prevê investimentos de R$ 1.98 bi em Itatiaiuçu

Por Publicado em:15/06/2022 | Atualizado em:29/11/-0001 63

A ArcelorMittal tem o maior volume de recursos anunciados para aporte em suas unidades, no momento atual brasileiro, para o ramo da siderurgia. De um total de R$ 7,8 bilhões anunciados para o período de três anos (2022 a 2025), mais da metade será investido nas unidades mineiras: cerca de R$ 4,5 bilhões e, somente em Itatiaiuçu a previsão é de aportes em torno de R$ 1,8 bilhão. A empresa anunciou os investimentos nas unidades mineiras de Itatiaiuçu, Monlevade e Sabará, além das plantas de Barra Mansa (RJ) e Vega (SC).
Em Itatiaiuçu os investimentos serão para a montagem de uma nova planta de beneficiamento de minério que, segundo a empresa, terá capacidade de 4,5 mtpa. Também haverá investimentos para aquisição de nova frota de equipamentos para operação na mina, dentre eles, caminhões, escavadeiras e perfuratrizes.

Outra informação repassada pela empresa é de que, com a aquisição de dois novos equipamentos automatizados para a trefilação, será aumentado o portfólio de ofertas para o mercado de molas, amortecedores, parafusos, fixadores e demais produtos da empresa para esta área. Os investimentos foram informados à imprensa em cerimônia de assinatura de despacho governamental no último dia primeiro de junho, em Sabará.

Participaram da assinatura do despacho, além do governador Romeu Zema e de Jefferson De Paula (presidente da ArcelorMittal Brasil e CEO Aços Longos LATAM e Mineração Brasil), o prefeito de Sabará, Wander Borges, Gustavo de Oliveira Barbosa (secretário de Fazenda de Minas Gerais), Fernando Passalio de Avelar (secretário de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais), e Waldenir Lima (vice-presidente de Operações ArcelorMittal Longos Brasil), Alexandre Barcelos (vice-presidente Corporativo de Finanças e Tecnologia da Informação da ArcelorMittal Brasil).

Compartilhe esta notícia